É muito bom ser eu mesma

armadura

Coberta por armaduras matei um dragão por dia.
Só eu sei como lutei pra me proteger de cada baforada quente.
Me vesti de paz e solidão.

Desagradei, icomodei, mudei…

O coração duro, quando se mostra doce, pedinte, vira DRAMA.
O olho seco quando chove, não recebe um acalento.
O vilão quando vira mocinho, se torna apático.

Não saber lidar nem com as espadas e nem com as flores é falta de capacidade de lidar com o OUTRO de um modo geral. Nada acontece por acaso. Após alguns ajustes, a armadura voltará a servir direitinho!